Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

mil e quinze

Livros, séries, filmes e muito mais ♥

17
Fev22

SÉRIES: Alice in Borderland

Vera

Uma série que começou a ser recomendada muitas vezes na sequência de Squid Game, no entanto já estava na minha lista para ver há bem mais tempo, por recomendação de uma amiga quase na altura em que saiu.

 

 

Baseada no mangá homônimo de Haro Aso, Alice in Borderland acompanha Ryohei Arisu (Kento Yamazaki), um jovem desempregado que passa boa parte do tempo jogando videogame. Certo dia, ele acorda e se depara com uma Tóquio completamente diferente do que está acostumado. Nessa estranha versão da cidade, Arisu e seus amigos viram personagens de um perigoso jogo e precisam seguir as regras para sobreviver. Tendo conhecido Usagi (Tao Tsuchiya), uma garota que se move sozinha na disputa, Arusi decide se juntar a ela para desvendar os segredos do novo mundo paralelo. Fonte: AdoroCinema

 

Alice in Borderland segue Arisu e os seus amigos quando todas as pessoas ao seu redor desaparecem repentinamente e se vêem sozinhos num mundo que funciona à base de jogos mortais. Estes jogos são a única coisa que vejo em comum com Squid Game, fora isso acho que são duas séries completamente diferentes uma da outra, e não tão comparáveis assim. Alice in Borderland tem uma temporada até ao momento, de 8 episódios, mas foi feita para ter continuação (ainda não há data).

 

É uma série bastante violenta, mas também bastante misteriosa. Durante toda a temporada não se sabe ao certo o que está a acontecer, como ou porquê - mesmo com algumas das respostas que vão surgindo com o passar dos episódios. Se for para comparar com Squid Game, tenho a dizer que esta me parece uma série bastante mais séria e pesada: os jogos são meio aleatórios (não existe um conceito definido, em oposição aos jogos infantis em Squid Game), não se sabe quem ou o que está por detrás deles, não se sabe o que levou a tudo aquilo. Tem uma ambiência mais rigorosa que a de Squid Game - não tanto de entretenimento mórbido ou beleza visual. O tipo de consequências que advêm de certos jogos ou decisões também são bem mais graves.

 

Vi muitos comentários de pessoas que acharam a série fraquinha... Eu gostei bastante, apesar de ter havido uma certa parte no enredo que não me agradou e levou a série por um rumo menos bom. Também tem alguns furos no enredo que não são desculpáveis - há que fazer trabalhar as personagens a favor dos factos e acontecimentos, e não fazer os factos trabalharem a favor das personagens. Apesar disso, estou bastante curiosa com tudo e sinto que, tendo dado respostas, o final não respondeu nada - ficaram ainda mais questões. Dou por mim a querer muito saber o que raio se está a passar ali.

 

Por isso, recomendo muito a série! Como ainda só tem 8 episódios, é bastante fácil e rápida de ver. Ah, e é ligeiramente inspirada em Alice in Wonderland (vê-se isso só pelo nome)... Tanto o nome, como alguns elementos da série, como também algumas personagens. Vale a pena!

 

4.JPG

 

Conhecem esta série? O que acham?

Mais sobre mim

foto do autor

29 ∷ Miúda do interior com alma de lisboeta ∷ Digital marketeer ∷ Overthinker a tempo inteiro ∷ Sempre a saltar de livros para séries para jogos nas horas vagas

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

📖 A ler:

📺 A ver:

Devs, Temporada 1
Friends, Temporada 8 (a rever)
Daredevil, Temporada 3
Mad Men, Temporada 1
Schitt's Creek, Temporada 4
Guillermo del Toro's Cabinet of Curiosities, Temporada 1

🎮 A jogar:

Stardew Valley
Tomb Raider
Pokémon Gold

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D