Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

mil e quinze

Livros, séries, filmes e muito mais ♥

24
Abr21

SÉRIES: The Falcon and the Winter Soldier

Vera

Damos por terminada a segunda série de televisão da quarta fase da Marvel (MCU) e, como habitual, é disso que vos venho hoje aqui falar.

 

imagem_2021-04-23_180443.png

 

Na série do Disney+ Falcão e o Soldado Invernal, após receber o escudo do Capitão América em Vingadores: Endgame, Sam Wilson/Falcão (Anthony Mackie) luta para assumir o posto do herói. Ele se junta, então, a Bucky Barnes/Soldado Invernal (Sebastian Stan), embarcando em uma aventura mundial que vai colocar à prova as habilidades dos dois. Entre discussões e entendimentos, acompanhamos uma jornada no desenvolvimento da amizade entre ambos, ao mesmo tempo em que tentam deixar para trás os problemas do passado. Enquanto o Falcão sente a responsabilidade do escudo de Steve Rogers, Bucky tenta lidar com a própria culpa por suas ações enquanto estava sob comando da Hydra. Adaptado de: AdoroCinema

 

Confesso que só vi a série precisamente por ser parte da quarta fase da Marvel; não fosse por isso, provavelmente nunca a teria visto. Ao contrário de WandaVision, esta é uma série mais típica e bem mais dentro daquilo que é o "normal". Tem apenas seis episódios, com cerca de 40 minutos cada, pelo que se vê relativamente rápido.

 

Achei que a série foi curta demais e que isso afectou o enredo; para vos ser sincera, sinto que passei estas semanas todas a ver os episódios que saíam e, mesmo assim, tenho a sensação de que não sei bem o que vi. Aconteceu muito e, ao mesmo tempo, não aconteceu assim tanto. Não gostei muito da vilã, acho que não trouxe nenhum je ne sais quois à série, e a partir de certo ponto comecei a fartar-me desse enredo. Gostei no entanto de muitas outras coisas: as reviravoltas finais com a personagem de John Walker, as revelações de Sharon Carter, o desenvolvimento da amizade entre o Bucky e o Sam, a libertação do passado e auto-perdão do Bucky, e a relevância e importância do actual papel de Sam.

 

Acho que a série foi sobretudo centrada na evolução interior das duas personagens, e não tanto em tudo o resto que estava a acontecer. Pelo menos, para mim é aí que está a essência de toda a temporada. Só acho mesmo que poderiam ter tornado tudo mais épico com uma vilã melhor e, para além disso, sinto que toda a série me soube a pouco.

 

Mas claro, deixou muitos momentos que vão marcar as histórias da Marvel daqui para a frente e algumas perguntas que nos deixam a criar teorias - para além das já conhecidas cenas empacotadas de acção, bem como um episódio em particular com uma cinematografia bastante bonita. Vale a pena ver, sobretudo se forem fãs da Marvel - mas acho que se o forem eu nem preciso de estar aqui a convencer-vos, não é verdade?

 

Em suma, achei a série bastante "normalzinha", com um antagonista muito mal aproveitado, mas com os seus bons momentos e sub-enredos. Deixa-nos a desejar por mais, disso não há dúvidas. Vale a pena ver pelo entretenimento e pela evolução das personagens - das duas principais mas também de John Walker, provavelmente a personagem mais bem construída e o desenvolvimento de personagem mais bem escrito desta série.

 

4.JPG

 

Agora é esperar uma eternidade até 11 de Junho para poder finalmente ver a série de umas das personagens que mais amo neste universo da Marvel: Loki. Por mim, saltava já o calendário. E vocês, que me dizem de The Falcon and the Winter Soldier? Encheu-vos as  medidas, ou nem por isso?